quarta-feira, 12 de maio de 2010

PORTFÓLIO DA ATIVIDADE DO GESTAR II – TP5

PORTFÓLIO DA ATIVIDADE DO GESTAR II – TP5


UNIDADE 20 – OS TRIÂNGULOS NA VIDA DOS HOMENS: CONGRUÊNCIA DE TRIÂNGULOS.

QUESTIONÁRIO DA 2ª ATIVIDADES NO QUADRO


ATIVIDADE AULA 8 – TRIÂNGULOS SEMELHANTES DA TP5 APLICADA AOS ALUNOS DO 9° ANO MATUTINO E VESPERTINO.


O uso da régua para a aferição de medidas.

Tarefa 1 –

Síntese dos textos de referências segue em anexo;

Tarefa 2 –

a) O ponto mais interessante:

- A atividade realizada em grupos trouxe várias discussões sobre os assuntos levantados;

- Trabalho colaborativo entre os alunos;

b) Duas das maiores dificuldades na realização do trabalho da proposta de transposição com os seus alunos:

- Dificuldades em relação ao uso da régua, como instrumento de aferição de medidas;

- Congruência de Triângulos ou polígonos – tiveram dificuldades de quanto ao reconhecimento do que fazer, não relacionou a palavra congruência com igualdade;

- Na análise do item c da atividade proposta, alguns grupos não conseguiram visualizar quanto à proporcionalidade dos lados dos triângulos trabalhados;

- Leitura e interpretação do enunciado das atividades propostas;

- As réguas não são padronizadas, observou-se que as medidas dos lados dos triângulos foram diferentes;

Tarefa 3-

A atividade desenvolvida pelos alunos do 9° anos, abordava o assunto da UNIDADE 20 – OS TRIÂNGULOS NA VIDA DOS HOMENS: CONGRUÊNCIA DE TRIÂNGULOS, assunto este que vem sendo trabalhado com alunos em sala de aula, porém com a realização desta atividade pude observar que o conteúdo proposto ainda traz muitas dúvidas e conceitos ainda não construídos por eles, assim tomarei como ponto de partida, a retomada do assunto, pois as dificuldades encontradas pelos grupos foram muitas. Também observou-se com a realização desta atividade que as réguas existentes no mercado não trazem medidas padronizadas, e que isso deve ser considerável quanto à aplicação desta atividade. O trabalho em grupo, ainda é uma metodologia que tem que ser desenvolvida com alunos, pois é o momento em que devemos trabalhar junto aos alunos o respeito à opinião do outro, assim como se deve respeitar a minha. Mostrando sempre que as opiniões se divergem, para que possamos chegar a um denominador comum, logo o conhecimento ou aprendizado aconteça de forma espontânea, sem o uso da regras e conceitos pré-ditados, mas sim construído por eles mesmos.

Prof. Alceu E. de Oliveira
Matemática
E.M. Fauze Scaff Gattass Filho

Um comentário:

  1. muito legal essa atividade que fizemos na escola.
    parabens por ser um excelente professor

    ResponderExcluir

Barra de vídeo - Matemática

Loading...